Impactos da indústria da moda
Impactos da indústria da moda 8/8/2019

Você sabia que a indústria da moda é a segunda que mais polui no mundo?!

Para a produção de uma peça de roupa, os impactos ambientais são muito maiores do que se pode imaginar. Por exemplo, para criar um quilo de algodão são gastos 30.000 litros de água e para criar uma camisa de algodão são mais 2.700 litros!

Aquele jeans que amamos, que vai com tudo é uma das peças mais poluentes do vestuário, utilizando de grandes quantidades de água, energia e corantes químicos com alto risco à saúde e ao meio ambiente. Além disso, temos a emissão de carbono na produção e a cada lavagem.

O poliéster, fibra sintética a base de plástico, além de ser poluente desde sua produção, leva quase 200 anos para se decompor e seu descarte incorreto pode causar impactos ambientais absurdos. Tudo isso polui mares, rios, lagos, o ar e, isso sem contar na morte dos animais, desmatamento, etc.

A conscientização para o consumo é necessária para que nosso planeta não seja cada vez mais prejudicado e para a saúde da sociedade, que fica prejudicada com tantos impactos ambientais, mudanças climáticas repentinas, desmatamento, etc. Se conscientizar para a forma como consumimos é fazer bem para nós mesmos, pararmos de criar necessidade de sempre ter mais e consumir mais sem necessidade, apenas por desejo impulsivo.

Consumir consciente não significa não consumir, significa consumir menos, peças de qualidade e versáteis, que casem com seu guarda roupas e que faça você se sentir livre para ser você mesmo, descobrir seu estilo e depois modificar suas peças, utilizando de técnicas de customização, upcycling ou até passando pra frente, doando, ou vendendo para um brechó onde outra pessoa irá consumir sem causar novos impactos.

Esse ciclo para o consumo consciente garante que cada um faça sua parte para um mundo melhor!

Não há comentários para este post, seja o primeiro!
Nome
E-mail
Seu e-mail não será exibido.
Comentário
© Copyright 2019 | Slow + - Todos os direitos reservados